Sexta-feira, 23 de Julho de 2010

Empreenda por favor! - Artigo de Pedro Santos, Administrador OneBiz

“Empreenda por favor”, é o um lema que temos vindo a desenvolver junto com oCamilo Lourenço, nos programas “A Cor do Dinheiro”, assim como em várias acçõesde sensibilização de negócios, seminários e em programas de empreendedorismo egestão. O objectivo é promover e incentivar a criação do auto-emprego, do próprionegócio e da independência profissional. Neste artigo além de uma descrição demecanismos de apoio ao investimento, vou ainda referir uma oportunidade concreta denegócio, sem necessidade de capitais próprios.

 

Empreendedorismo, única solução para si e para o país: Numa altura em que osmedia confrontam os Portugueses com noticias dramáticas tais como a recessãoeconómica, desemprego, falências, deficit do estado e problemas de liquidez dosbancos, a única solução é a promoção do empreendedorismo e do auto-emprego.Existem inúmeras oportunidades de negócio e apoio ao investimento, sendo odesafio que a cultura do risco e do empreendedorismo esteja presente em todos.Em Portugal ainda vemos as famílias valorizarem a carreira profissional atravésde “pseudo-empregos para a vida” como por exemplo na função pública ou ementidades bancárias. Ora, esse conceito de emprego terminou, sendo o desafio daspróximas décadas o auto-emprego e o empreendedorismo. Para todos aqueles queestão desempregados, o auto-emprego está nas suas mãos, passando a criar valor efazendo reduzir as estatísticas inúteis da taxa de desemprego.

 

Soluções para o financiamento do negócio: Para financiar os negócios e projectosexistem um conjunto de soluções, das quais elenco neste artigo o Microcrédito, e osprogramas INVEST+ e PME INVEST. O Microcrédito, é solução de financiamentopara empreendedores que não têm normal acesso ao crédito bancário, com montantede financiamento até 15.000EUR. Sugiro que os empreendedores que pretendamrecorrer a esta solução que consultem a Associação Nacional de Direito ao Créditoem www.microcredito.com.pt. Outra solução de financiamento para aqueles quese encontrem desempregados é o programa do IEFP “Invest+”, o qual promovefinanciamentos através de bancos protocolados, com montantes até 100.000EUR ecom taxa de juro bonificada. Para este feito o promotor deverá contactar o centro deemprego da sua área e solicitar informações detalhadas de como se candidatar. Oprocesso inclui a apresentação de plano de negócios, a após certificação o promotorpoderá obter o referido financiamento junto das entidades bancárias. Refiro comouma terceira opção de financiamento o programa “PME INVEST VI”, o qual permitelinhas de financiamento para as micro e pequenas empresas, de 25.000EUR ou 50.000EUR, com a intervenção das Sociedades de Garantia Mútua (informações em www.iapmei.pt).

 

Oportunidade de Negócio sem Investimento Inicial: Fazendo jus ao lema doartigo e para proporcionar uma oportunidade concreta e imediata para aquelesempreendedores que querem construir a sua autonomia, o seu auto-emprego ou a suaempresa, criamos dentro do Grupo Onebiz a oportunidade de negócio em “franchise”na área dos Seguros, através da corretora Accive Insurance (www.accive.com).Para os leitores que indicarem a leitura deste artigo, terão a oportunidade exclusivade poderem associar-se à corretora de seguros Accive e desenvolverem umaactividade independente, sem necessidade de capitais próprios. O negócio poderáser desenvolvido numa fase inicial a partir de casa, numa actividade de captaçãoe promoção de seguros das melhores Seguradoras no mercado, através de umaimagem forte de uma corretora e com os todos os meios logísticos, de marketing eapoio para esse fim.

 

Lembre-se do lema “Empreenda por favor”, sendo que não existem razões oudesculpas para o não fazer. Construa a sua independência e defina quanto querganhar, criando assim riqueza e valor acrescentado!

 

Por Pedro Santos, administrador Grupo Onebiz

 

Lembre-se que pode enviar as suas dúvidas financeiras para cordodinheiro@sapo.pt, e Pedro Santos ou António Godinho garantem uma resposta!

publicado por acordodinheiro às 11:13
link do post | comentar | favorito
|
2 comentários:
De isabel a 4 de Agosto de 2010 às 15:27
Boa tarde

gostaria muito que me dessem informação detalhada sobre a possível viabilidade de obter este franchising sem custos. Como se processa ? estive tambem a ver no dia de ontem de madrugada sobre um franchise mas na actividade imobiliaria. tambem gostaria de ver esclarecida a possibilidade de integrar esse projecto.
Estou muito interessada em desenvolver actividade num desses ramos, porque tenho conhecimentos de contabilidade, gestao, banca e seguros. E apesar de ter 43 anos estou neste momento a terminar curso de direito, retomei 20 anos depois. hà sempre uma altura, em que parece que renascemos das cinzas com vitalidade para andar em frente, para pensarmos no que gostamos.
Obrigada pela vossa atenção, e...boas férias a toda a equipa, que admiro bastante,
IT


De jean a 9 de Setembro de 2016 às 12:07
Empréstimos UM oferecer qualquer capaz de pagar uma taxa de juros de 3% ao ano pessoa. Os reembolsos serão ajustadas de acordo com o seu orçamento mensal. Os nossos Termos SUA simples NÃO also definido.
Você pode obter empréstimo Uma € 5.000 a € 2.000.000 desejado. Reembolso seu orçamento mensal pode ser determinada. E-mail: jeanluc2898@gmail.com


Comentar post

.A Cor do Dinheiro

.Patrocinadores

 

PT negocios

Coloque as suas dúvidas sobre os Temas da Semana através de:

E-mail: cordodinheiro@sapo.pt

 

.Produzido por

Photobucket

.Programa

 

A Cor do Dinheiro é um magazine semanal sobre Economia, que aborda assuntos sobre poupança e investimento. É transmitido todos os Domingos, às 23h na RTPN.

.Apresentador

 

Camilo Lourenço é o apresentador do programa A Cor do Dinheiro e tem já uma larga experiência na área da economia. Foi fundador do Diário Económico e director editorial da revista Exame. Desempenhou, também, funções como editor de economia na Rádio CMR e na Rádio Comercial, e foi comentador da SIC Noticias.
Actualmente, é colunista no Jornal de Negócios e no Record e comentador da RTP e da M80.


 

 

.Votação Semanal

.Facebook

.Arquivo Audiovisual do Programa

RTP Multimédia

.Arquivo do Blog

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

.Links Úteis

DECO

 

Ministério da Economia

 

Ministério das Finanças

 

Banco de Portugal

 

Agência Financeira

 

Revista Exame

 

Jornal de Negócios

 

Diário Económico

 

Público

 

Bloomberg

 

Dossier Especial Financial Times

.Sugestão de Livro


 

 

 

Num momento em que valores como a Verdade, Humildade e Solidariedade se
encontram completamente arredados do modo como são, actualmente, governadas
as grandes empresas globais, é necessário lançar um alerta sobre a forma
pouco clara como muitos dos máximos responsáveis das grandes corporações as
têm dirigido. Este livro pretende dar a conhecer aos actuais e futuros gestores as
ferramentas para lidar com a actual crise de valores que prolifera nas
empresas globais. É preciso «humanizar» as empresas para que estas deixem de
procurar o êxito rápido a qualquer preço! Criar uma cultura de negócios mais
verdadeira, será o grande desafio para todos os futuros gestores deste
século.

De João Ermida, O Método dos Executivos do Futuro, Dom Quixote

.Julho 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31